Importância da testosterona para ganho de massa muscular

Treinos combinados com uma dieta rica em proteína e descansos adequados é a fórmula para ganhar massa muscular, certo? Mas o que você pode não saber, é que o fator determinante da quantidade de massa muscular que podemos ganhar é a Testosterona.

ganhar-massa-muscular-com-testosterona

A testosterona é um hormônio presente nos homens e nas mulheres (em uma quantia bem menor), sendo o principal hormônio ligado ao ganho de massa muscular. Dentre suas funções, ela atua sobre aumento do tecido muscular e na distribuição da gordura do seu corpo.

Na prática funciona da seguinte maneira: se os níveis de testosterona do seu corpo não estiverem equilibrados, não será possível ganhar massa muscular, e ao mesmo tempo, você poderá ter uma série de complicações, como perda de massa óssea, massa muscular, depressão, impotência, fraqueza, etc.

O que muitos praticamente de musculação costumam fazer para acelerar seus resultados é aplicar sintéticos do hormônio, os conhecidos anabolizantes, o que deve ser evitado, pois esta prática é muito perigosa. Níveis muito altos de testosterona causam graves efeitos colaterais e aumentam as chances de contração de diversas doenças e condições prejudiciais a saúde.

Dentre os efeitos secundários negativos mais comuns estão: tremores musculares, intensa manifestação de acne, dores nas articulações, hipertensão, stress elevado, insônia e complicações respiratórias durante o sono, perca de cabelo, atrofia dos testículos, impotência sexual, desenvolvimento incomum da próstata, além de desenvolvimento de “mamas” – ginecomastia.

A falta da testosterona no seu organismo também te causará graves efeitos: diminuição de massa muscular e perda de força, perda de massa óssea(aumentando o risco de fraturas),acumulo excessivo de gordura, diminuição da libido, perca de fertilidade, indisposição e cansaço excessivo, risco de diabetes, depressão e até comprometimento das funções cognitivas.

Mas como produzir testosterona naturalmente?

pare-de-fumar

Fique tranquilo, existem diversas maneiras de aumentar os níveis de testosterona do seu corpo de maneira natural, e você pode conferi-las abaixo:

Dormindo bem: pesquisadores da Universidade de Chicago descobriram que homens que dormem 5 horas por dias têm seus níveis de testosterona reduzidos drasticamente. Dormindo bem você não manterá apenas os seus níveis de testosterona equilibrados, mas também o de cortisol, que está ligado ao acumulo de gordura do seu corpo.

Se alimentando: existem diversos alimentos que ajudam na produção de testosterona: vegetais crucíferos (brócolis, couve flor), gorduras boas (azeite extravirgem, açaí, peixe), compostos de zinco (queijos, feijão, fígado) e compostos de vitamina A, C, D, E, K.

Não fumando: O tabagismo reduz drasticamente a produção de testosterona. Não fumantes produzem cerca de 20% testosterona a mais que fumantes.

Diminuindo o álcool: O álcool dificulta a quebra do estrogênio por parte do fígado, fazendo com que o organismo perca zinco, e quanto maior o nível de estrogênio, menor o de testosterona.

Tomando sol: Tomando sol você recebe vitamina D, e como visto antes, a vitamina D auxiliam na produção da testosterona. 15-20 minutos diários de um banho de sol são suficientes.

Viu só como é simples? Você pode aumentar os seus níveis de testosterona naturalmente, durante o seu dia a dia, basta colocar todas essas dicas em prática, bom treino!

Recomendados Para Você:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *