Óculos artesanal: conheça a nova tendência

Antes de ler esse artigo, tenho uma pergunta para você: Você tem interesse em demorar muito mais na cama? Quer saber o segredo dos atores pornô e deixar sua mulher LOUCA DE TESÃO? Clique aqui e assista ao vídeo.

O óculos artesanal já não é algo extremamente incomum no mercado, mas a popularização dessa moda inicia com protagonistas improváveis. Juan de 25 anos nascido em São Paulo e Alejandro Carri de 28 anos nascido em Buenos Aires, ambos nascidos de pai argentino e mãe uruguaia. Alejandro é médico pela USP e trabalha como Ortopedista, enquanto que Juan largou a faculdade de Economia no 3º ano. O que ambos têm em comum?

A variação de culturas, estilos e gostos fez com que irmãos criassem o estúdio Leaf em 2012 para confeccionar óculos artesanal. Um ambiente bastante criativo e hoje conta com vários outros artesãos de diversas formações diferentes. Segundo os próprios irmãos, a única coisa que precisa é vontade de aprender e não querer fazer algo monótono.

Sobre a Leaf

A marca de óculos artesanal foca na criação de óculos feitos à mão, e tudo surgiu de forma casual. Em 2011, ao ver um vídeo das Lojas Americanas onde se vendia produtos de madeira, Juan teve a vontade comprar um par de óculos, mas viu que não compensava importar, devido ao preço muito alto dos impostos.

Foi então que teve a ideia de fazer seus próprios óculos. Devido a sua infância onde junto de seu irmão e o pai velejavam muito, estavam sempre em contato com materiais e ferramentas como madeira, vidro, barcos, etc. Desde pequenos tendo habilidades com trabalhos manuais e vendo o quão era absurdo trabalhar com importação, Juan pegou uma folha de madeira e um Ray Ban velho e começou a montar seu próprio óculos artesanal.

Artesãos aos finais de semana

Com o passar do tempo virou uma brincadeira que era feita todo fim de semana, mas com objetivo. De melhorar cada vez mais as peças feitas, para uso pessoal. Até então não se pensava em criar uma empresa. Alejandro estava quase se formando em Medicina enquanto Juan trabalhava em uma startup de e-commerce de vinhos.

Durante os finais de semana aperfeiçoando a peça, várias pesquisas foram feitas e o hobby começou a crescer entre o círculo de amizade dos dois irmãos, principalmente por quem queria óculos artesanais com armação de madeira iguais aos deles. Com isso eles perceberam que o negócio poderia gerar lucro.

O teste

O teste foi feito com apenas 10 armações, para comprar a primeira máquina da leaf e os irmãos conseguiram vender para amigos, por cerca de R$250,00 cada. E com o tempo e o maquinário a produção foi ficando cada vez mais acelerada e passou do quartinho de casa para um espaço na Galeria Ouro Fino, da Rua Augusta em São Paulo. E por lá deram continuidade ao trabalho.

O primeiro investimento

Somente em maio de 2012 sua primeira loja foi aberta e uma grande encomenda apareceu. Uma loja de design chamada de Mixtape encomendou 60 peças. Além dos irmãos aceitarem o pedido também assumiram um grande risco. Já que precisavam de parte do valor para poder comprar o material. A empresa topou e com isso o primeiro investimento na marca realmente foi feito.

Depois disso a marca de óculos artesanal montou site, investiu nas redes sociais, e conseguiu atrair muitas pessoas para a loja física. Os modelos dos óculos são feitos com madeira certificada e custam por volta de R$350,00. Com o tempo os produtos foram melhorando e as estratégias de mercado também, tudo para manter o negócio de pé e os óculos artesanais enxergando o futuro.

Recomendados Para Você:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *