Viagra faz mal à saúde? Conheça os benefícios e riscos do comprimido

O viagra é tudo o que os homens com disfunção erétil e suas parceiras sempre precisaram. Além de melhorar a vida sexual de muitos casais, o remédio consequentemente tem melhorado a saúde de muitos relacionamentos por aí.

Uma vez que os casais voltam a se dar bem na cama, é esperado que eles voltem a se dar bem fora dela com o tempo também. Mas será que esses são os únicos benefícios do viagra para a saúde? Mais do que isso, existe sempre a preocupação de que há algum risco em tomar viagra. O “azulzinho” oferece algum malefício para a nossa saúde?

comprimidos-de-viagra

Foto: Pixabay/CCBY

Benefícios do viagra

O melhoramento da vida sexual dos homens está longe de ser o único benefício do viagra para as nossas vidas. Além disso, o “azulzinho” ainda oferece resultados promissores para quem batalha contra o câncer e doenças cardiovasculares. Veja a seguir:

Benefícios do viagra para o coração

É claro que o viagra é um risco para quem sofre de problemas do coração, uma vez que ele aumenta o bombeamento de sangue pelo corpo. Mas, para aqueles que sofrem de insuficiência cardíaca, quando o coração não dá conta de fazer circular o sangue pelo corpo todo, o viagra pode ser um grande aliado.

Ele irá aumentar a força do seu coração para bombear o sangue pelo seu corpo, suprindo as necessidades geradas pelo agravamento dessa condição médica.

O viagra no combate ao câncer

O viagra pode ser uma boa alternativa para os pacientes passando por quimioterapia. Isso acontece porque, atualmente, um dos medicamentos utilizados nesse processo se chama doxorrubicina. Esse remédio, porém, apresenta graves riscos à saúde do coração dos pacientes.

banner3

Leia também: Viagra: conheça os medicamentos genéricos do “azulzinho”

Enquanto isso, o viagra diminui os danos ao sistema cardiovascular e, por isso, pode ser mais eficiente do que a doxorrubicina. Alguns médicos estão apostando fortemente no “azulzinho” para ser implementado nos processos de combate ao câncer em seus pacientes.

Viagra faz mal à saúde?

comprimidos-de-viagra

Foto: Wikimedia Commons

Bem, então quais são os riscos de tomar o “azulzinho”? Existem sérias contraindicações do viagra e alertas importantíssimos sobre o perigo da sua superdosagem:

Pode ser perigoso para o coração

Apesar de ser bom para aqueles que sofrem de insuficiência cardíaca, aqueles que sofrem de outros problemas cardiovasculares e têm esse sistema mais frágil podem ser prejudicados pelo remédio. O viagra irá aumentar o bombeamento de sangue no seu organismo, podendo ser muito perigoso para um coração já fragilizado.

Faz mal jovem tomar viagra?

Muitos homens mais jovens acabam experimentando viagra para ter ereções mais rápido ou para vencer a ansiedade. O “azulzinho” fica perigoso quando o jovem passa a fazer isso muitas vezes e, então, seu corpo pode viciar no remédio e só se tornar capaz de ter uma ereção completa quando o menino tomar uma dose de viagra.

Na juventude, você está no pico da sua saúde sexual, então é melhor deixar para ter ereções naturalmente e evitar possíveis complicações assim tão cedo.

Perigos do excesso

A primeira coisa a saber é que tomar mais de uma pílula de viagra não irá intensificar o efeito do remédio. Além disso, o excesso do estimulante sexual pode ser muito perigoso para a saúde. Esses excessos são perigosos justamente porque o viagra aumenta o número de batimentos cardíacos e a superdosagem pode causar sérios problemas cardiovasculares.

Recomendados Para Você:

teste