Berberina: saiba tudo sobre o produto

Antes de ler esse artigo, tenho uma pergunta para você: Você tem interesse em demorar muito mais na cama? Quer saber o segredo dos atores pornô e deixar sua mulher LOUCA DE TESÃO? Clique aqui e assista ao vídeo.

A berberina é um composto extraído de duas ervas chinesas a Phellodendron chinense e a Rhizoma coptidis, usadas como fitoterápico na medicinal chinesa tradicional como suplemento. Suas propriedades são usadas para regular os níveis de glicose no sangue, além de melhorar a saúde cardíaca.

Benefícios em relação à glicose no sangue

Na China e muitos anos, hoje a berberina já passou por diversos estudos, para comprovar os seus benefícios junto a ciência e medicina. Uma revisão realizada pelo periódico Internacional Jounal of Endocrinology comprovou que o fitoterápico funciona como regulador de glicose no sangue.

Melhora a resistência de insulina, que quando não tratada por evoluir para diabetes tipo 2, sendo ainda um quadro onde os tecidos não absorvem a glicose da forma como deveria. Agora para quem já sofre com a diabetes, o uso da berberina também pode ajudar a melhorar o efeito dos remédios.

Alguns estudos mostraram que os efeitos do hipoglicemiante é potencializado com as substâncias. Porém não se pode confiar somente na berberina para tratar o diabetes, sua eficiência não é tão grande quanto a metformina, por exemplo.

Benefícios quanto ao colesterol

As propriedades das duas plantas também se mostraram bastante eficiente ao tratar o colesterol alto, LDL e a triglicérides, todas que podem ser consideradas prejudicial ao coração se estiverem em níveis desregulados. O uso do fitoterápico junto a outros medicamentos para tratar o colesterol alto, também pode ajudar a aumentar o HDL, considerado o colesterol bom, que faz bem à saúde.

Benefícios da berberina na saúde do cérebro

Outros estudos comprovaram que as propriedades da berberina são eficazes em prevenir doenças neurodegenerativas. As substâncias reduzem a produção de uma proteína, chamada de amiloides, que está ligada ao desenvolvimento da doença de Alzheimer. Quando a berberina é consumida após um AVC, também ajuda a proteger os neurônios dos danos causados pelo acidente.

Benefícios da berberina – intestinal

As ervas chinesas também comprovaram seu estudo para a recomposição do epitélio intestinal, dessa forma bactérias nocivas para a circulação ficam impedidas de passaram. As propriedades da berberina são anti-inflamatórias, o que ajuda a restaurar a microbiota intestinal.

Efeitos colaterais da berberina

Se consumida em excesso, o componente pode provocar alguns efeitos colaterais, como por exemplo:

  • Problemas nos rins.
  • Vômito e náuseas.
  • Paralisia do sistema respiratório.

Contraindicações

A berberina é contraindicada para as grávidas, já que as plantas possuem propriedades que podem estimular o útero. Por isso também é contraindicado as mulheres lactantes, já que crianças nascem sem a enzima de glicose 6 fosfato desidrogenase. Por esse motivo se ingerirem a berberina podem apresentar icterícia.

Indicações com medicamentos

O componente pode aumentar a funcionalidade de alguns medicamentos que são indicados para o tratamento da diabetes ou colesterol alto. Porém algumas interferências podem ser negativas quando misturados aos medicamentos:

  • Dextrometorfano
  • Anti hipertensivos.
  • Medicações sedativas.

Podendo ainda interferir no funcionamento do fígado durante o processo de metabolismo de alguns medicamentos.

Recomendados Para Você:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *