Aeróbico em Jejum: Benefícios e riscos

Cada pessoa que quer perder peso tem a sua própria rotina de exercícios que defende com todas as suas forças. Algumas dessas rotinas são um pouco mais polêmicas do que as outras. É o caso dos aeróbicos em jejum, os quais há quem diga que são bastante benéficos e eficazes, assim como quem diz que eles podem ser perigosos e trazer prejuízos para o corpo de quem os pratica.

Aeróbico em Jejum

Nem todo tipo de exercício é indicado para todo mundo, mesmo que o objetivo seja o mesmo, por isso é importante se informar sobre os exercícios e entrar em contato com um profissional da saúde ou educação física, para que você possa seguir a rotina perfeita para você. Aqui estão algumas informações para você saber um pouco mais sobre o aeróbico em jejum.

O que é o aeróbico em jejum?

Para começar, definimos os exercícios aeróbicos em jejum como uma série de exercícios que você realiza logo depois de acordar, sem ter tomado café da manhã ainda.

Os aeróbicos no jejum tendem a durar de 30 minutos a 1 hora e o seu objetivo é queimar as gorduras sem queimar glicose, que é o que acontece se você praticar exercícios depois de comer.

Benefícios do aeróbico em jejum

O principal benefício que se pode observar nos exercícios aeróbicos em jejum é o aumento do percentual de gordura queimado durante sua prática em comparação com os exercícios realizados após uma refeição. Isso acontece porque o corpo possui menos glicose antes de comer, por isso usa as gorduras para ter energia para malhar.

Assim, o organismo precisa queimar a gordura ao invés da glicose. Como a circulação do sangue no abdômen e região aumenta quando você está em jejum, a queima de gordura nessa área também é maior nesse momento se comparado com quando você se exercita depois de comer.

Riscos do aeróbico em jejum

Para começar, como você está com menos glicose no organismo, também é possível que ele tire energia e acabe queimando massa magra ao invés de gordura. Outro perigo dos aeróbicos em jejum é que ele não é tão efetivo a longo prazo.

Apesar de poder queimar mais gordura durante sua prática, no espaço de 24h seguinte ao exercício, ele não é tão eficaz, comprometendo a perda de peso a longo prazo. Por fim, outro risco do aeróbico em jejum é ele pode queimar sua energia, deixando você cansado durante o seu dia a dia.

Quando realizar os aeróbicos em jejum?

O que algumas pessoas defendem é que existem momentos e casos específicos em que os exercícios aeróbicos em jejum podem ser benéficos ao organismo.

É o caso de pessoas que possuem baixos níveis de gordura, para as quais esse treino pode ter bons resultados. É importante, porém, que se você for praticar o aeróbico em jejum, você primeiro o faça com moderação, cuidando para não  torrar muito a sua energia. Outro fator importante é realizar o aeróbico em jejum acompanhado de uma suplementação de proteína, para garantir que os seus músculos não sejam danificados durante o exercício.

Recomendados Para Você:

teste